Companhia de Caçadores 2759

Res Non Verba

.

Início

História

Hino da Companhia

Sempre Presente

Zonas de Intervenção

Imagens da Comissão

Ecos dos Convívios

Imagens dos Convívios

Notícias

A Voz dos Kurikas

Os que já partiram

Fundo de Assistência

Contactos

José Gouveia

Telem: 966124291

jomago47@gmail.com

Victor Lourenço

Telem: 966869648

vitoralourenco@sapo.pt

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Convívio - MADEIRA 2010

AGRADECIMENTO

Realizamos de 30 de Setembro a 4 de Outubro, o nosso convívio anual que este ano teve a particularidade de assinalar os nossos 40 de Formação e partida da Companhia para Moçambique.

Quando nos lançamos na aventura de organizar este Encontro, alguns factos houve, que por serem imprevisíveis, e por nós considerados inatingíveis, levaram-nos a uma maior concentração de esforços, a um querer redobrado e a uma força indómita de tudo superarmos. Estamos a referir-nos concretamente à vontade que sentíamos em localizar o maior número de camaradas da C. Caç. 2759, em especial dos Madeirenses; de ter junto de nós os familiares dos nossos mortos e fazer-lhes a homenagem justa e digna que eles mereciam; tornar este convívio no maior aglutinador de vontades, amizades e de pessoas.

Sabíamos que nada disto seria fácil, tanto mais que a distância e o desconhecimento total do meio local, era um factor determinante. Uma certeza existia: tudo teria de ser superado! Para alcançar os nossos objectivos, contamos com o esforço e sacrifícios pessoais dos nossos quatro companheiros Madeirenses: Vasconcelos, Carvalho, Freitas e Gonçalves, que foram dando corpo à obra gigantesca de localizar outros camaradas Madeirenses. Em Maio partimos para uma viagem de reconhecimento no local, ainda com muitas incertezas. Fomos recebidos por várias entidades oficiais da Madeira, visitamos companheiros em debilitado estado físico e com problemas financeiros, contactamos os familiares dos nossos mortos, e foi assim que descobrimos aquilo que para todos nós era até essa altura impensável: os restos mortais do nosso camarada MÁRIO CELESTINO VIVEIROS DE ANDRADE, repousam em Moçambique!

Esta triste noticia, não demoveu a nossa vontade, bem pelo contrário, ela foi o catalisador para que este convívio fosse uma demonstração de vitalidade, de união e acima de tudo de muita amizade. Há sempre vozes que se levantam de discordância; compreendemos e aceitamos as críticas, mais especialmente ainda quando surgem de alguém que tenha feito de forma diferente, mais e melhor do que até agora foi conseguido. As críticas em valor acrescentado, são naturalmente permitidas, mas proporcionalmente descabidas.

Reunimos neste convívio 189 pessoas! Destas, 48 eram antigos companheiros Madeirenses que se fizeram acompanhar de familiares, 8 famílias de camaradas nossos mortos, 62 pessoas do Continente, juntando ainda as entidades Madeirenses convidadas para este Encontro.

E falando em entidades Madeirenses, queremos deixar bem expresso o nosso reconhecimento e gratidão, pela maneira como nos receberam e pelo apoio que nos prestaram, Sua Excelência a Senhora Secretária do Turismo e Transportes, Senhora Doutora Conceição Estudante, bem como a todos os elementos do seu Gabinete, à Câmara Municipal do Funchal, em especial ao Senhor Vereador Eng. Henrique da Costa Neves, ao 2º Comandante da Guarnição nº3 do Funchal, Senhor Tenente Coronel Dionísio e às forças por ele destacadas para as duas cerimónias, ao Presidente do Núcleo da Madeira da Liga dos Combatentes Senhor Tenente Coronel Laureano, ao Pároco da Igreja da Boa Nova do Funchal, Rev. Padre Toni Sousa, ao Grupo Coral do Arco da Calheta que actuou com a colaboração do nosso companheiro José Gregório de Sousa, ao Jornal Noticias da Madeira que deu eco ao nosso encontro, às seis rádios locais que divulgaram nos seus programas mais ouvidos e durante algumas semanas a realização do nosso convívio, à firma Rui França Unipessoal e ao Hotel Raga pelas ofertas dos vinhos e à firma Ribeiro Seco a oferta dos bolos de mel.

Por último, um agradecimento sincero a todos os amigos e famílias, que com a sua presença honraram e dignificaram um momento que se pretendeu de união, de companheirismo, de amizade; de alguma forma, os valores mais intrínsecos de cada um enquanto Homens e ex-combatentes.

José Gouveia

.

 Contacto:  E-mail: jomago47@gmail.com    Telemóvel: 96 61 24 291

.